Neijing Tu – O Mapa da Fiação Interna [atualizado]

A imagem do Neidan mais famosa sobre o corpo humano é o Mapa da Fiação Interna (Nèijīng tú, 內經). Confira tudo sobre esse importante mapa!

Conteúdo

neijingtu1 Shinjigenkan Brasil

ORIGEM DO MAPA DA FIAÇÃO INTERNA

A imagem mais famosa do Neidan, sobre o corpo humano, é o Mapa da Fiação Interna (Nèijīng tú, 內經). Sua versão principal é desenhada em uma estela, datada de 1886, agora encontrada nas paredes de um prédio do Templo da Nuvem Branca (Bái Yún Guān) em Pequim, ao lado do Xiūzhēn tú (Mapa do Cultivo da Realidade). Como outras imagens do corpo no Neidan, o Mapa da Fiação Interna é uma representação do corpo como uma paisagem e deve ser “lido” de baixo para cima. As três partes principais da imagem, que mostra uma vista lateral do corpo, enfocam os Campos de Cinábrio inferior, central e superior, seguindo o curso da prática de Alquimia Interna.

Se quiser conhecer o Mapa do Cultivo da Realidade (Xiūzhēn tú) acesse o link: https://shinjigenkan.com.br/xiuzhen-tu-o-mapa-do-cultivo-da-realidade/

O CAMPO DE CINÁBRIO INFERIOR

neijingtu3 Shinjigenkan Brasil

Na parte inferior, um menino e uma menina que representam Yin e Yang estão trabalhando em uma esteira colocada no Funil Caudal (cóccix, weilü), na parte inferior da espinha. Invertendo o fluxo de energia (na verdade o jing, ou Essência, representado pelo curso de água ao longo da coluna), evitam que ela flua para baixo e seja desperdiçada. Com a Alça Espinhal e a Almofada de Jade mencionados abaixo, o Funil Caudal é uma das Três Barreiras (ou sanguan).

Se quiser saber mais sobre as barreiras acesse: https://shinjigenkan.com.br/as-tres-barreiras-da-circulacao-da-energia/

A água se transforma então em uma fornalha ardente, que aquece o Campo de Cinábrio inferior colocado próximo aos quatro símbolos Taiji; estes representam os quatro agentes externos (Madeira, Fogo, Metal, Água), com o quinto (o Solo central) representado por sua conjunção. À esquerda do Campo de Cinábrio há o “búfalo de ferro arando a terra e plantando a moeda de ouro”, uma imagem da primeira semente do Elixir Dourado. Essa zona, acima do baixo ventre e abaixo do diafragma, inclui o “Orifício”.

Se quiser saber mais sobre os Agentes Externos e outros símbolos da Metafísica Chinesa acesse: https://shinjigenkan.com.br/principios-fundamentais-das-cinco-artes-chinesas/

O CAMPO DE CINÁBRIO MÉDIO

neijingtu3b Shinjigenkan Brasil

No centro está o Campo de Cinábrio do meio (zhong dantian), em forma de espiral e localizado próximo à região do coração. Logo acima dele está o Garoto Pastor, que segura a constelação da Ursa Maior, um símbolo do centro do cosmos. Em uma famosa história chinesa, o Garoto Pastor (correspondendo à constelação de Altair) apenas uma vez por ano pode se encontrar e se unir com a Dama Tecelã (correspondendo à estrela Vega), que é retratada abaixo dele. No nível da Dama Tecelã, ao longo da coluna, temos a alça espinhal. A Dama está sobre o desfiladeiro (diafragma) e próxima ao bosque (pulmões), representando a força animal (Yin) e o poder respiratório. Esse poder permite o acesso temporário (experiências de pico) à níveis mais elevados de consciência, acelerando a “Inversão”. Esse acesso é representado pelo tecido que enigmaticamente ascende e alcança as montanhas na parte superior da imagem.

O CAMPO DE CINÁBRIO SUPERIOR

neijingtu3c Shinjigenkan Brasil

A parte superior da imagem representa o Campo de Cinábrio superior. Acima e atrás da Pagoda de Doze Andares (a traqueia), está a Almofada de Jade. Atrás das montanhas, à esquerda, o Vaso do Governo (dumai, que corre nas costas do corpo) emerge; o velho sentado ao lado dele é Laozi. Abaixo do vaso de controle, o Vaso da Concepção (renmai, que corre na frente do corpo) começa; o monge de pé com os braços levantados ao lado dele é Bodhidharma (que, de acordo com a tradição, trouxe o Budismo Chan [Zen] para a China). A maioria dos mestres do Neidan comentavam que sua tradição era uma síntese das três filosofias (Taoísmo, Budismo e Confucionismo), com os princípios da Alquimia Externa (Waidan) e do sistema cosmológico chinês oriundo do Livro das Mutações (Yi JIng).

Para conhecer essa incrível Tradição acesse: https://shinjigenkan.com.br/o-caminho-do-elixir-dourado-uma-introducao-a-alquimia-taoista-parte-1/

Os dois pontos (normalmente amarelo e vermelho) representam os olhos, e ainda, o Sol e a Lua. No topo da imagem ainda vemos o “palácio da bola de lama” (ventrículo) e acima das montanhas uma esfera sutil que representa a emergência da Criança Vermelha, o duplo espiritual que é considerado o próprio Elixir.

Uma representação bastante semelhante aparece no Mapa Japonês da Alquimia Interna: https://shinjigenkan.com.br/um-mapa-alquimico-japones-do-corpo-humano/

No Instituto Shinjigenkan você pode conhecer os fundamentos e práticas do Neidan (Alquimia Interna Taoísta). Entre em contato pelo Whatsapp (51) 9677-2801 para receber informações sobre os grupos de estudo e prática!

Vem com a gente!

Aulas gratuitas de Chi Kung direto no seu email